Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Google-Translate-Portuguese to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese

Rating: 2.8/5 (1236 votos)

ONLINE
1





Total de visitas: 545833

Sintomas do TDA/H em adultos

Sintomas do TDA/H em adultos

                                       

 

    A existência da forma adulta do TDA/H foi oficialmente reconhecida apenas em 1980 pela Associação Psiquiátrica Americana. E, desde então inúmeros estudos têm demonstrado a presença do TDAH em adultos. Acredita-se que em torno de 60% das crianças com TDA/H mantêm o quadro na vida adulta, porém com sintomas em menor número.

      O TDA/H é uma disfunção crônica, herdada na grande maioria das vezes, daí sua presença desde a infância. Não surge na vida adulta, sempre esteve presente só não foi detectado ou adequadamente tratado.

      Na vida adulta suas manifestações são dificilmente diagnosticadas como TDAH, sendo muitas vezes tratado por seus sintomas de forma isolada como: distúrbios da ansiedade, depressão (distimia), irritabilidade, agitação, nervosismo, intolerância. Sintomas característicos de adultos com TDAH são: dificuldade de organizar e planejar atividades do dia a dia, dificuldade em priorizar atividades. Tendem a ficar “estressados” quando se vêem sobrecarregados, assumem vários compromissos diferentes ao mesmo tempo, por não saberem por onde começar. Deixam trabalhos pela metade, interrompem o que estão fazendo para começar outra coisa, só voltando ao trabalho anterior bem mais tarde ou então se esquecendo dele. Têm dificuldades para realizar tarefas sozinhos e precisam ser lembrados pelos outros o que tem para fazer. Têm dificuldade em assistir uma palestra, ler um livro, sem que sua cabeça “viaje” para bem longe perdida num turbilhão de pensamentos. Mostra dificuldades em manter a atenção no diálogo com as pessoas, parecendo não escutar o que os outros dizem, ignorando o que diz seu interlocutor.

      As características do déficit de controle dos impulsos em adultos com Distúrbio de Déficit de Atenção se apresentam da seguinte forma: age por impulso em relação a compras, decisões, em assuntos importantes, em rompimento de relacionamentos, e por vezes se arrependendo em seguida; apresenta reações em curto-circuito, com rápidas e passageiras explosões de raiva, tipo "pavio curto"; é hiper-sensível à provocação, crítica ou rejeição; é impaciente e tem grande dificuldade de esperar; mostra baixa tolerância à frustração; mau humor fácil.

      As conseqüências existenciais do portador de Déficit de Atenção, principalmente em adultos, seriam: adiamento crônico de tarefa ou compromisso, ou seja, dificuldade de iniciativa ou atitude de procrastinação; alcoolismo e abuso de drogas; baixa auto-estima e um sentimento crônico de incapacidade e pessimismo; tempo excessivo na execução de algum trabalho, devido em parte ao sentimento de insuficiência; depressões freqüentes; difícil sociabilidade, dificuldade em manter relacionamentos duradouros; mau desempenho profissional, apesar de bom potencial; tendência a culpar as outras pessoas por suas dificuldades e erros.

      O portador de TDAH tem dificuldade em avaliar seu próprio comportamento e quanto isto afeta os demais à sua volta e por isso podem ser considerados “egoístas”. Na verdade necessitam de cuidados e tratamento. São pessoas de bom nível intelectual, geralmente com alguns talentos significativos.

                                                Profa.Dra.Edna Paciência Vietta

                                  Psicóloga Cognitivo-comportamental Ribeirão Preto